domingo, 29 de julho de 2007

A ALMA IMORAL















Hoje vou ver a peça A ALMA IMORAL que é adaptado do livro do rabino Nilton Bonder

Ficha Técnica do espetáculo:

Texto: Nilton Bonder
Adaptação e interpretação: Clarice Niskier
Supervisão: Amir Haddad
Figurino: Kika Lopes
Iluminação: Aurélio de Simoni
Direção Musical: José Maria Braga
Preparação Vocal: Célio Rentroya
Preparação Corporal: Márcia Feijo
Programação Visual: João Gabriel
Direção de Produção: Celso Lemos
Assessoria de Imprensa: João Pontes e Stella Stephany


O livro de Nilton Bonder, A alma imoral, com um texto que provoca a comparação entre preservação e evolução com tradição e traição aponta para um paraíso onde os únicos mandamentos eram "multiplicar-se" e lidar com a questão da "transgressão". A consciência humana é formada desta descoberta fantástica de que nossa tarefa não é apenas a procriação, mas, nas condições certas e na medida certa, transcender a nós mesmos. Esta traição para nós mesmos, que é vital para a continuidade da espécie, gera o conceito de alma.

Para Bonder, a alma é o elemento do próprio corpo que está comprometida com alternativas fora deste corpo. E, enquanto o corpo forja a moral para garantir sua preservação através da procriação, a alma engendra transgressões. Esta alma que questiona a moral, assumindo-se muitas vezes imoral, é apresentada através de incontáveis transgressões em textos e conceitos antigos.

Um livro de profundo impacto na reflexão sobre o certo e o errado, a obediência e a desobediência, as fidelidades e as traições. Um convite a conhecer as profundas conexões entre o traidor e o traído, entre a marginalidade e a santidade, entre a alma e o corpo.

Sobre o autor

Nilton Bonder é rabino com função de líder espiritual da Congregação Judaica. É graduado em engenharia mecânica pela Universidade de Columbia e doutor em literatura hebraica pelo Jewish Theological Seminary.

Reconhecido internacionalmente, seus livros já foram lançados nos EUA e Europa. A cabala da comida, A cabala do dinheiro, O segredo judaico de resolução de problemas estão entre seus títulos mais vendidos. Seu livro anterior, Portais secretos, foi lançado pela Rocco em 1996. A alma imoral é seu décimo primeiro livro.



Um comentário:

Lili disse...

Eu coloquei esse post antes de ir ver a peça...Agora que já assisti a A Alma Imoral, posso dizer que é muito boa a peça!!!Vale ver...e acho que deve ser ótimo ler o livro também.